(43) 3336-8556

Materiais Educativos

ARTIGOS E E-BOOKS PARA DAR MAIS EFICIÊNCIA AO SEU LABORATÓRIO
26 dez 2017

Como aplicar a metodologia Lean nos laboratórios de análises clínicas?

//
Comentários0

A metodologia Lean manufacturing — que, em português, significa manufatura enxuta — foi um sistema criado pela Toyota para a produção de carros, focada em redução de desperdícios.

Esse conceito possui várias outras metodologias integradas, e o que antes seria apenas um projeto dedicado a veículos, também pode ser adaptado para qualquer outra área de negócios, inclusive a de saúde e de laboratórios.

Mas como o sistema Lean pode ajudar na produtividade em laboratórios de análises clínicas? Saiba mais no artigo a seguir!

Como o sistema Lean pode ajudar na produtividade em laboratórios de análises clínicas?

Adaptado para a produtividade em laboratórios de análises clínicas, o sistema Lean visa otimizar os processos dessas empresas e aumentar gradualmente os recursos à medida em que cada vez mais gestores descobrem as vantagens proporcionadas por esse sistema.

Quem usufrui do serviço percebe melhorias significativas, até mais do que quem presta o serviço. São muitas as vantagens de integrar esse sistema ao seu laboratório. Veja como o sistema Lean pode transformar a teoria na prática ao ser aplicado ao ambiente laboratorial:

Eliminação de falhas e de retrabalhos

Com o sistema Lean, o risco de falhas é eliminado ao máximo, bem como é reduzida significativamente, no ambiente laboratorial, a quantidade de retrabalho e repetição de exames, tornando a rotina mais otimizada — aumentando, assim, a produtividade.

Diminuição de custos

Uma das grandes vantagens do sistema Lean é a produtividade em laboratórios de análises clínicas, visto que essa metodologia enxuta permite uma reestruturação dos processos para torná-los mais eficientes, o que, consequentemente, melhora significativamente a produtividade dos colaboradores, eliminando desperdícios de horas trabalhadas.

Com isso, evita-se pagamentos de horas extras, o que é uma grande redução de recursos financeiros. Diminui também o uso de materiais, a necessidade de espaço físico para armazenar os materiais de exames e há uma otimização do uso dos insumos. Evita-se, ainda, investimentos para compra de mais medicamentos para repor o estoque, gerando no total um significativo planejamento financeiro.

Padronização dos processos

Com o novo sistema implantado, as atividades tornam-se padronizadas, de forma que todos os funcionários do laboratório podem realizar os procedimentos da mesma maneira, aumentando a qualidade dos serviços e acabando com desperdícios. Mas, mesmo automatizados, eles ainda são revisados.

O que a metodologia Lean faz, nesse caso, é prever uma análise sistemática e constante para que os processos continuem com sua agilidade, se adequando às necessidades dos que precisam usar os serviços de saúde.

Eficácia do gerenciamento de estoque

Esse é o ponto-chave para melhorar a eficiência na redução de desperdícios e ter uma boa gestão de estoque. O sistema Lean mapeia os processos, contribuindo para a otimização dos espaços de estoque, bem como para a aquisição dos insumos.

Com sua filosofia de redução de desperdícios, esse sistema ajuda as equipes a aproveitarem ao máximo os insumos e deixar de desperdiçar os recursos necessários e importantes que poderiam faltar para o bom atendimento aos pacientes.

Otimização do tempo de atendimento

Esse é um dos grandes desafios dos laboratórios e uma de suas grandes preocupações: a redução do tempo de atendimento aos pacientes, sem que a qualidade dos serviços fique comprometida.

Nesse sentido, a metodologia Lean ajuda a construir métodos mais eficazes para um bom atendimento, enxugando os processos e tornando-os mais ágeis e eficientes, reduzindo filas de espera e acelerando o tempo para entrega de resultados.

Aplicada à produtividade em laboratórios de análises clínicas, a metodologia Lean é importante para a eficiência e sustentabilidade dos sistemas de saúde, pois proporcionam um melhor atendimento aos usuários. Para que essas práticas sejam bem sucedidas, é preciso uma mudança geral no sistema organizacional do seu laboratório, tendo sempre como foco as necessidades dos pacientes.

Gostou de saber como a metodologia Lean pode ser aplicada em laboratórios? Quer saber mais sobre como fazer a gestão correta do seu negócio? Baixe nosso e-book e fique por dentro de tudo!

Deixe seu comentário

Vendas