(43) 3336-8556

Materiais Educativos

ARTIGOS E E-BOOKS PARA DAR MAIS EFICIÊNCIA AO SEU LABORATÓRIO
mapa de trabalho
22 out 2018

Conheça 5 boas práticas de laboratório para seu mapa de trabalho!

//
Comentários0

Um laboratório normalmente conta com diversos processos internos, que ocorrem diariamente. São exames que vão desde os mais simples aos mais complexos, emissão de laudos e ações administrativas. E manter tudo isso em harmonia depende da criação de um mapa de trabalho bem estruturado.

Quando você consegue alcançar esse objetivo de organização, os resultados podem ser facilmente percebidos, seja na pontualidade, na precisão dos laudos ou mesmo no atendimento ao cliente, que se sente acolhido e tende a fidelizar-se ao seu serviço. Resumindo, a adoção de boas práticas para o seu mapa de trabalho pode trazer sucesso e expansão ao seu negócio.

Entretanto, apesar de muita gente até entender essa necessidade, ainda não sabe ao certo como colocá-la em prática. Se esse é o seu caso, continue lendo. Listamos abaixo 5 dicas que fazem toda a diferença para o seu mapa de trabalho!

1. Utilize termômetros calibrados

As boas práticas de um laboratório incluem o uso de equipamentos eficazes. Nesse rol entram os termômetros calibrados, que permitem uma medição de temperatura mais precisa. Afinal, durante a realização de exames, é preciso utilizar diversas soluções que, na maioria das vezes, precisam estar na temperatura correta para que não haja erros nos resultados.

2. Mantenha registros atualizados e legíveis

Procedimentos, dados administrativos e todos os processos internos nos quais o laboratório está envolvido precisam ser registrados de maneira legível. Além disso, é importante manter as bases e os bancos de dados sempre atualizados para eventuais consultas e utilização de informações para uma tomada de decisão com maiores margens de acerto. Um software pode ajudar muito nesse quesito.

3. Verifique a data de validade dos reagentes e soluções

Utilizar uma solução com data de validade expirada para a realização de um exame pode terminar em um falso positivo, negativo ou na necessidade de repetição do exame. Além do transtorno causado ao paciente, tais ocorrências geram custos que, quando se tornam recorrentes, podem impactar no faturamento do seu negócio. Por isso, é importante sempre verificar as datas de validade antes de utilizar qualquer solução.

4. Use equipamentos de higiene e proteção

Lidar com determinadas substâncias químicas ou mesmo com fluídos orgânicos exige cuidados. É por isso que você deve incentivar seus colaboradores a usar equipamentos de segurança. As luvas cirúrgicas ou mesmo máscaras e calçados especiais são indicados para algumas atividades desempenhadas. É importante não negligenciar essa necessidade. Tal atitude também é uma forma de cuidar das pessoas que estão ao seu redor, sejam elas funcionários ou pacientes.

5. Realize manutenção dos equipamentos

Alguns exames dependem de máquinas para sua realização. Uma forma de garantir sucesso nos resultados é mantê-las sempre em bom funcionamento. Sendo assim, o melhor a fazer é realizar a manutenção preventiva. Trata-se de uma alternativa mais eficaz e barata, visto que equipamentos com defeito pressupõem consertos urgentes, que certamente serão mais caros e ainda exigirão a interrupção do uso por alguns dias.

Como se pode ver, o mapa de trabalho de um laboratório é formado por diversos processos, alguns mais simples, outros mais complexos. O grande desafio é garantir que todos fluam da maneira esperada. É para isso que servem as boas práticas!

Se você gostou do post, não deixe de compartilhá-lo em suas redes sociais.

Deixe seu comentário

Vendas